Select Menu
» » » » Confira alguns fatos e curiosidades sobre o planeta Urano
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Batismo

"Mutilação de Urano por Saturno", por Giorgio Vasari e Cristofano Gherardi











Segundo Charles Choi do site SPACE.com, até então se acreditava que esse astro era apenas mais uma estrela no firmamento, e Herschel tropeçou com ele enquanto vasculhava o céu em busca de estrelas 10 vezes menos brilhantes do que aquelas que conseguimos ver sem a ajuda de equipamentos. O nome foi inspirado no deus grego do céu “Ouranos” — pai de Cronos e avô de Zeus —, e Urano é o único planeta que não foi batizado com o nome de um deus romano.

Mas antes de ser nomeado oficialmente, outros nomes foram considerados — como Minerva, Oceanus, Hypercronius, Astrea e Cybele —, e Herschel chegou a sugerir que o planeta fosse chamado “Georgium Sidus” ou “Planeta Georgiano” em homenagem ao Rei George III da Inglaterra. Quem decidiu que o astro deveria ser batizado de Urano foi o astrônomo alemão Johan Bode, o primeiro a detalhar a órbita do planeta.


Esfera gigante

Comparação entre o tamanho da Terra e o de Urano



















Urano é o sétimo planeta do Sistema Solar — a partir do Sol — e fica a 2.870.972.200 de quilômetros de distância da nossa estrela. Além disso, ele é o terceiro maior planeta e o quarto com maior massa e, basicamente, pode ser descrito como uma esfera gigantesca de líquido e gás. Aproximadamente 80% da massa de Urano é composta por uma mistura fluida de gelos de metano, água e amônia, e em sua atmosfera também é possível encontrar hidrogênio e hélio.

Com respeito ao núcleo, acredita-se que ele seja rochoso e que tenha mais ou menos o tamanho da Terra, e Urano conta com a configuração planetária mais curiosa do sistema solar. Isso porque ele conta com um eixo de rotação que fica inclinado para o lado, o que faz com que seus polos fiquem situados onde normalmente se encontra o equador dos demais planetas.


Clima maluco


























Urano orbita ao redor do Sol “de ladinho”, com o eixo de seu giro apontando quase que diretamente para a estrela. Essa estranha configuração faz com que o planeta apresente estações do ano pra lá de extremas e com duração de cerca de 20 anos cada uma. Além disso, cada ano de Urano corresponde a 84 anos terrestres, o que significa que o planeta leva mais de 30 mil dias terrestres para completar uma volta ao redor do Sol.

Aliás, durante esses 84 anos, cada polo fica apontado para o Sol por 42 anos, ficando outros 42 em completa escuridão. Portanto, não é de se estranhar que Urano tenha a atmosfera mais fria do Sistema Solar, com temperaturas mínimas que chegam a – 224 °C!

E isso não é tudo: quando os raios solares atingem as regiões que permaneceram na escuridão por muito tempo, ocorre um aquecimento da atmosfera que desencadeia a formação de tempestades monstruosas com ventos que podem alcançar os 900 quilômetros por hora.


“Adereços”





















Se você pensa que Saturno é o único planeta do Sistema Solar a contar com belos anéis, saiba que Urano também possui dois conjuntos só para ele, somando um total de 13 anéis! O conjunto mais interno é composto principalmente por anéis mais finos e escuros, enquanto o mais externo é formado por dois anéis coloridos, um azul e o outro vermelho.

































Além disso, Urano possui — até onde se sabe — 27 luas e, em vez de terem recebido nomes inspirados em divindades da mitologia grega ou romana como de costume, elas foram batizadas com nomes de personagens criados por Willian Shakespeare e Alexander Pope, como Miranda, Oberon, Puck e Ariel. A maioria consiste em astros congelados com superfícies escuras, com exceção de Miranda, que possui cânions de gelo e encostas em seu terreno.

Mais curiosidades:

• Urano foi o primeiro planeta do Sistema Solar a ser descoberto com a ajuda de um telescópio;


• Urano completa um volta em torno de seu próprio eixo a cada 17 horas e 14 minutos, e sua rotação ocorre de leste a oeste, ou seja, no sentido contrário da maioria dos demais planetas do Sistema Solar;
















• A velocidade orbital de Urano é de 6,6 quilômetros por segundo;

• Os 13 anéis que compõem os dois conjuntos que circundam Urano são identificados por números e símbolos gregos como α, β, η, γ, δ e λ;















• Urano é o segundo planeta menos denso do Sistema Solar, vindo depois apenas de Saturno;

• A única espaçonave a voar próximo a Urano foi a Voyager 2 da NASA que, em 1986, passou a 81,5 mil quilômetros de distância do planeta.



......................

Autor Michael Nascimento

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter