Select Menu
» » » Em 125 anos, milhões de pessoas têm olhado para essa pintura mas ninguém tinha percebido isso até agora
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

O físico Werner Heisenberg uma vez disse, “Quando eu encontrar Deus, vou fazer-lhe duas perguntas: ‘Por que a relatividade?’ e ‘Por que a turbulência?’. Acredito que ele terá uma resposta para a primeira”.

Com essa frase o alemão não estava desafiando Deus, mas mostrando como é matematicamente complexo entender a turbulência.

Assim entra Vincent van Gogh nessa história.

O vídeo abaixo mostra que a genialidade de Van Gogh vai além das Artes — auxilia a compreensão da natureza. Clique no play.


Embora sua vida tenha sido marcada por “fracassos”, Van Gogh tem fama póstuma especial. As suas pinturas pós-impressionistas são apreciadas por milhões de pessoas até hoje.


“A Noite Estrelada“ é talvez uma das obras mais enigmáticas que existe.

Fonte: Awebic

......................

Autor Felipe Sérvulo

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter