Select Menu
» » » » » » 10 mentiras que provavelmente já contaram a você na escola
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

O mundo está cheio de mentiras. Desde fofocas ocasionais até promessas de políticos. Não obstante isso, existem algumas coisas que aprendemos na escola que são falsas e que estão, por definição, destinadas a perecerem mais cedo ou mais tarde e nós de um jeito ou de outro iremos saber a verdade dos fatos. 

1 - Os seres humanos descendem de chimpanzés



Aulas iniciais sobre a evolução geralmente deixam uma impressão básica: os seres humanos evoluíram dos macacos. Vá para um zoológico, e você poderá assistir seus ancestrais genéticos brincando e arremessando cocô um no outro. Mas não viemos do macaco e não foi assim que a evolução aconteceu afinal, a evolução funciona, eliminando as espécies inferiores, enquanto as mais fortes e mais bem adaptadas prosperam. Se isso tivesse acontecido, então não haveria nenhum macaco, porque a evolução teria suplantado eles. A teoria mais provável é que os seres humanos e os grandes macacos, como os chimpanzés, gorilas e orangotangos - surgiram a partir de um ancestral comum, e, em seguida, evoluíram em direções distintas ao longo dos anos. Especificamente: quatro, oito e doze milhões de anos atrás, respectivamente. E ela ainda está acontecendo, no reino animal, pelo menos. Os pesquisadores acreditam que a menos de um milhão de anos atrás, os gorilas ocidentais e orientais se separaram por evolução, e estão agora se desenvolvendo em diferentes direções.

2 -  Não há nenhuma gravidade no espaço

planets image
A gravidade não é limitada a massa. Ela é também uma consequência da energia. Todos os objetos no espaço, incluindo a menor partícula de poeira experimentam gravidade. Nada no universo está parado, mesmo que aparentemente estejam parados.
3. Os diamantes provêm do carvão
coal, diamond, coal and diamond
Se você acredita que os diamantes são feitos de carvão altamente comprimido, não se preocupe, o mesmo acontece com muitas pessoas. Mas isso é completamente falso: os diamantes são encontrados em poços verticais cheios de rochas formadas por vulcões, enquanto o carvão é encontrado principalmente entre outros tipos de rochas como calcário. 

O carvão quase nunca é encontrado no mesmo tipo de ambiente como os diamantes. O carvão é formado perto da superfície a partir de matéria vegetal, enquanto os diamantes são formados no manto da Terra a 145 km mais perto do núcleo e depois levado até a crosta durante erupções vulcânicas. É verdade que os diamantes são formados a partir de carbono por intenso calor de 2.000 graus Fahrenheit (1.100 graus Celsius) - e alta pressão, mas é improvável que o carbono venha do carvão. Assim, a ideia de um pedaço de carvão se tornar um diamante bonito, até hoje ainda gera uma grande dose de mentira. Por  outro lado, a ciência moderna pode muito bem transformar qualquer coisa em um diamante em laboratório: mesmo o cadáver de seu falecido ente querido.

4. Edison inventou a lâmpada

edison
Isto se tornou um favorito da internet. Desmascarar o mito que Edison inventou a lâmpada, ou o mito que ele era o maior inventor do mundo se tornou um viral, como um meme da internet e isso ajudou a desmarcar o que as escolas sempre disseram. Case isto com o amor por Nikola Tesla, e você tem o exemplo perfeito de justiça poética e catarse. Edison comprou a patente da lâmpada incandescente da viúva de Heinrich Goebel e comercializou-a. Além disso, 22 outras pessoas incluindo Tesla já tinham experimentado a luz incandescente.

5. Vincent Van Gogh cortou a própria orelha

Vincent Van Gogh
Claro que ele era louco o suficiente para cometer suicídio, mas não tão louco.
Se você perguntar a uma pessoa aleatória sobre Vincent van Gogh, provavelmente ele dirá que o pintor cortou a orelha e enviou-a para sua namorada. Nada disso nunca aconteceu — mas a verdade é que provavelmente ainda mais horrível. A nova teoria sobre a orelha de van Gogh é que seu companheiro, o pintor Paul Gauguin, foi que o cortou durante uma luta. Depois de olhar através de registros antigos e cartas de van Gogh, o historiador Hans Kaufmann acredita que os dois pintores se meteram em uma briga, durante o qual van Gogh jogou um copo de vinho em seu amigo. Gauguin respondeu desembainhando sua espada e cortou fora a orelha de van Gogh. Ele então inventou toda a história que Van Gogh tinha ficado louco para que ele não ser preso. 

6. A mudança de cor do Camaleão é para se camuflar

chameleon, Chameleon colour
Ok, isso é loucura. A mudança de cor do Camaleão é para absorver mais calor, regular a temperatura do corpo e avisar aos seus predadores ou indicar comportamento de acasalamento.

7 - Colombo descobriu a América e provou que a Terra era redonda

columbus
Matemáticos gregos fizeram isso a dois milênios atrás e Leif Erikson descobriu a América em 1000 AD.

8 -  diferentes partes da língua sentem gostos diferentes

tongue out

Na verdade, toda a superfície é um sensor e existe uma proteína vivendo na língua que detecta comida podre.

9 - Uma maçã caiu na cabeça de Newton e ele descobriu a gravidade 

Isaac Newton, Isaac Newton apple

Ele apenas viu uma maçã caindo e desenvolveu sua teoria. Não é bem uma surpresa, mas isso leva a diversão.

10 - Sangue venoso é azul e sangue arterial é vermelho

Blue veins

Se você olhar atentamente para o interior de seu pulso, você provavelmente vai ver uma pequena rede de veias azuis correndo em direção a sua mão. Apesar do que te ensinam na escola primária,  não é sangue azul correndo por lá. O mito que se formou é que o sangue venoso é azul, e o sangue que sai do coração é vermelho pois tem sido preenchido com oxigênio fresco. Quando você sangra, o sangue fica vermelho imediatamente porque ele é exposto ao oxigênio no ar. Mas se você já deu sangue ou viu sangue colhido no consultório do médico, você vai perceber que não há nenhum estranho líquido azul enchendo os tubo selados. A razão de suas veias parecerem azuis é um simples truque da luz, e da forma como que os seus olhos percebem as cores. Quando filtros de luz atravessam as camadas da pele, os comprimentos de onda de baixa freqüência (como vermelho) são refratados pela pigmentação em finas camadas de gordura, deixando a maior parte azul da luz refletindo de volta para seus olhos. Uma pessoa albina verá geralmente veias vermelhas por causa da falta de pigmentação na pele.

......................

Autor Felipe Sérvulo

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter