Select Menu
» » » » » » Aperte o play: NASA faz upload das gravações do "disco de ouro" da Voyager no soundcloud
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

O que extraterrestres gostam de ouvir? Bem, nós não sabemos ao certo, mas quando a NASA lançou Voyager 1 e 2 no Sistema Solar, em 1977, a agência espacial equipou as sondas com o 'Golden Record', destinado a todos os alienígenas (ou humanos do futuro) que poderão um dia descobrir as gravações.
O registro é uma compilação fonógrafa de saudações da Terra em várias línguas e outros tipos de áudio projetados para introduzir o ouvinte a sons da humanidade do século 20.

Essas gravações já foram enviados para Soundcloud para que qualquer um com uma conexão à Internet possa experimentar esta cápsula do tempo exclusiva para si, sabendo que as gravações originais estão à deriva pelo espaço em algum lugar.

Especificamente, acredita-se que a Voyager 1 tenha passado através da heliosfera no limite do nosso Sistema Solar, e está a caminho de uma estrela chamada AC 79 3888 - embora a viagem durará cerca de 40.000 anos. A Voyager 2 ainda está na heliosfera. Você pode verificar suas localizações em tempo real aqui .

Então como soa o disco de ouro? Bem, uma vez que você ouvir as saudações gravadas em mais de 50 línguas, antigas e modernas (a versão em Inglês é lida por uma mulher, que diz: "Paz e felicidade à todos!"). Você também encontrará uma variedade incomum de sons que são evocativos da vida na Terra.

Há um bebê chorando que está sendo consolado por uma mãe, sons de automóveis, o código Morse (com barulhos de um naviono fundo), ruídos de animais, vento e chuva, e um "Música das Esferas" eletrônica na gravação, que emula o movimento planetário através de reprodução de diferentes frequências de áudio.

Além dessas gravações, o disco de ouro também contém cerca de 90 minutos de gravações musicais, mas estes não foram enviados para Soundcloud (presumivelmente por motivos de direitos autorais). Escolhas incluem Chuck Berry "Johnny B. Goode", a sinfonia No. 5 de Beethoven, o Primeiro Movimento, e numerosos exemplos de música tradicional de culturas ao redor do mundo. Curiosamente, a música '' Here Comes The Sun" dos Beatlesdeveria ser incluída - inclusive a própria banda queria participar - mas sua gravadora EMI vetou.

O Disco de Ouro também contém uma declaração introdutória do então presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter, que resume algumas das aspirações dos cientistas que se reuniram no primeira mix galáctico:

"Nós lançamos esta mensagem no cosmos. É provavel que ela sobreviva por 1 bilhão de anos no futuro, quando nossa civilização estiver profundamente alterada  e a superfície da Terra puder vastamente ser alterada. Das 200 milhões de estrelas, na galáxia Via Láctea, algumas - talvez muitas - devem ter planetas habitados e civilizações espaciais. Caso alguma dessas civilizações intercepte a Voyager e possa entender estes conteúdos gravados, aqui está a nossa mensagem:

Este é um presente de um pequeno e distante mundo, um pouco dos nossos sons, nossa ciência, nossas imagens, nossa música, nossos pensamentos e nossos sentimentos. Nós estamos tentando sobreviver ao nosso tempo, para que nós possamos viver numa comunidade de civilizações galácticas. Estes gravações representam nossa esperança e determinação e nossa boa vontade neste vasto e maravilhoso universo. 

Assinado Jimmy Carter - Presidente dos Estados Unidos da América - Casa Branca, 16 de junho, de 1977."

Traduzido e adaptado de Science Alert

......................

Autor Felipe Sérvulo

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter