Select Menu
» » » » » Raro alinhamento: 5 planetas brilharão nos céus nas próximas semanas
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Pela primeira vez em mais de 10 anos, será possível ver todos os cinco planetas que são visíveis a olho nu brilhando no céu. Cerca de uma hora antes do nascer do Sol, Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno, os cinco planetas que têm sido observados desde os tempos antigos, irão aparecer em uma linha que se estende do alto do norte/oeste celeste e para baixo, no leste.

As datas com a Lua


A partir do dia 20 de janeiro, logo antes do amanhecer, os planetas já estarão visíveis a olho nu. O alinhamento continuará até dia 20 de fevereiro. Dia 06 de fevereiro ocorrerá o ápice do fenômeno, quando Mercúrio (planeta mais difícil de observar devido a sua posição aparente no horizonte, logo após o Sol e, consequentemente seu tempo de visualização curto), atingirá seu ponto máximo no céu (máxima elongação).

Se você precisar de algo um pouco mais para você pula fora da cama antes do sol nascer, então aqui estão as datas para marcar no seu calendário. Desde o final de janeiro, a Lua vai viajar através de cada planeta e pode ser usada como um guia fácil para o sua caça a planetas

Em 28 de janeiro, a Lua vai estar ao lado de Júpiter. Em 01 de fevereiro, a Lua (em sua última fase) estará ao lado de Marte, em seguida, na manhã seguinte, ela vai sentar-se logo abaixo do planeta vermelho. Na manhã do dia 04 de fevereiro, o crescente da lua estará perto de Saturno. Em seguida, em 6 de fevereiro, a Lua estará ao lado de Vênus e em 7 de fevereiro, uma fatia fina de Lua vai sentar-se abaixo de Mercúrio.

Em linha com o Sol

A linha formada pelos planetas no céu segue de perto a eclíptica, o caminho aparente do Sol em relação às estrelas de fundo. Este caminho marca o plano do nosso sistema solar, a prova visual de que os planetas, incluindo a Terra, orbitam o Sol em aproximadamente o mesmo plano.

A eclíptica é fronteira com as constelações do zodíaco e uma das constelações do zodíaco mais reconhecíveis é Escorpião. Se você está acordado antes dos primeiros raios de sol começarem a afogar as estrelas, procure o contorno da curva do escorpião entre Marte e Saturno. Na verdade, sentando-se apenas acima Saturno estará a estrela supergigante vermelha Antares, que marca o coração do escorpião e sua cor avermelhada torna o rival perfeito para Marte.

Rara Odisseia

Tem sido um longo tempo desde que as órbitas de todos os cinco planetas trouxe-los juntos para o mesmo pedaço de céu. Para fazer a melhor das oportunidades de visualização e tentar chegar a um espaço aberto claro onde você poderá ver o raro alinhamento. Vale lembrar que, quando menos poluição visual tiver, melhor serão vistos os planetas.


Como início de fevereiro vem por aí, eu também recomendo verificar o trajeto de voo da Estação Espacial Internacional por meio de sites como o Heavens Above ou da NASA Spot the Station.


Por fim, ainda há mais por vir. Em agosto deste ano os cinco planetas estarão juntos novamente, visível no céu noturno, portanto, fique atento para um espetáculo planetário em 2016.

Bons céus à todos

......................

Autor Felipe Sérvulo

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter