Select Menu
» » » » » Este vídeo sobre a escala de buracos negros irá esmagar seu pobre e minúsculo cérebro
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Buracos negros são vastos objetos de matéria que parecem desafiar a física, por sua própria existência. Eles são tão estranhos que quando Albert Einstein previu pela primeira vez - através de suas equações - a existência desses monstros, ele não acreditava que eles poderiam realmente ser reais.

E você não pode culpá-lo, porque a ideia de que temos essas singularidades do espaço-tempo - que tendem a sugar toda a matéria em torno deles e que podem estar espalhados por todo nosso quintal cósmico -  é muito difícil de imaginar. 

Mas à medida que estudamos mais sobre buracos negros, ficamos satisfeitos com quão estranhos e enormes eles são. 

Mas todo o seu conhecimento prévio sobre buracos negros pode mudar depois que você ver esse vídeo do usuário morn1415 do Youtube, famoso por suas comparações de tamanho do universo.


O vídeo acima  sobre o tamanho dos buracos negros começa excessivamente dramático, mas quando você chega até as comparações visuais, os nossos pobres e minúsculos cérebros bugam.

A primeira coisa que você precisa saber é que qualquer matéria pode se tornar um buraco negro, se ela for esmagada até o raio de Schwarzschild.

Para o nosso Sol, o que significa que terá de ser esmagado até o tamanho de uma cidade pequena, a fim de se tornar um buraco negro.

E Terra, por exemplo, teria de ser esmagada para aproximadamente o tamanho de um amendoim.

Isso é muito incrível de se imaginar. Agora, considere o quão grande  são os outros buracos negros que conhecemos, como XTE J1650-500, que tem aproximadamente o tamanho de Manhattan, mas contém a massa de três ou quatro sóis.

É impressionante, mas ele é um dos menores 'destruidores de mundos' que conhecemos.

Há ainda mais buracos negros de médio porte lá fora, como o M82 X-1, que é esmagado até o tamanho de Marte, e contém a massa de 1.000 sóis.

Isso porque não falamos ainda de buracos negros supermassivos, que são encontrados no centro de praticamente todas as galáxias de grande massa que conhecemos.

Um desses buracos negros têm uma massa de 20 bilhões de Sóis. Nós não vamos mesmo tentar colocar isso em perspectiva para você, porque isso pode realmente dar uma grande dor de cabeça. 

Confira o vídeo acima para entender o quão grande e enorme os buracos negros podem realmente ser.

Traduzido e adaptado via Science Alert

. . . ......................

Autor Felipe Sérvulo

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter