Select Menu
» » » Um alargamento significativo de Flares no Sol
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Esta imagem foi capturada pelo "Solar Dynamics Observatory" da NASA e mostra a luz no comprimento de onda 131 Angstrom, o que é tipicamente colorido em verde-azulado. Crédito de imagem: NASA / SDO

O sol emitiu uma tempestade solar significativa, chegando a 13:48 EDT em 10 de setembro de 2014. O "Solar Dynamics Observatory" da NASA capturou imagens do evento. As labaredas solares são poderosas rajadas de radiação. Radiação nociva de uma crise, não pode passar através da atmosfera da Terra para afetar fisicamente os seres humanos. No entanto - quando intensa o suficiente - eles podem perturbar a atmosfera na camada onde os sinais de GPS e comunicação viajam.


Fonte: NASA

......................

Autor Michael Nascimento

Graduado em Física pela UEPB. Mestrando em Cosmologia, gravitação e física das partículas pela UFCG. Possui experiência na área de divulgação científica com ênfase em astronomia, astrofísica, astrobiologia, cosmologia, biologia evolutiva e história da ciência. Possui experiência na área de docência informática, física, química e matemática, com ênfase em desenvolvimento de websites e design gráfico e experiência na área de artes, com ênfase em pinturas e desenhos realistas. Fundador do Projeto Mistérios do Universo, colaborador, editor, tradutor e colaborador da Sociedade Científica e do Universo Racionalista. Membro da Associação Paraibana de Astronomia. Pai, nerd, geek, colecionador, aficionado pela arte, pela astronomia e pelo Universo. Curriculum Lattes: http://lattes.cnpq.br/8938378819014229
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga
Comentários
0 Comentários

Newsletter